Novidades Raffinato Fique por dentro!

Postado em 10 de Novembro de 2017 às 16h35

Momento ideal para investir no ramo de Comidas orgânicas, vegetariana e saladas especiais

Raffinato Sistemas Uma pesquisa nacional, realizada pelo Sebrae, revela que há boas oportunidades para pequeno negócios que queiram investir na oferta de alimentação saudável e diferenciada. De acordo com o...

Uma pesquisa nacional, realizada pelo Sebrae, revela que há boas oportunidades para pequeno negócios que queiram investir na oferta de alimentação saudável e diferenciada. De acordo com o levantamento, apenas 6% das micro e pequenas empresas apostam nesse segmento, que é um novo nicho de mercado. Dos poucos que comercializam alimentação saudável, 56% trabalham com comida orgânica, 18% saladas especiais, 6% vegetariana e 6% produzem alimentação saudável para crianças.

“Esses dados mostram que há oportunidades para empreendedores atentos a novos perfis de consumo, a exemplo daqueles que preferem a gastronomia sustentável. É uma tendência de consumo, o que pode gerar negócios inovadores, como restaurantes e lanchonetes especializados no público infantil ou para aqueles consumidores que preferem alimentação à base de produtos orgânicos, por exemplo”, disse a diretora técnica do Sebrae, Heloisa Menezes.

Ela explica também que, por existir essa nova tendência, alguns varejistas preparam suas cadeias de suprimentos para trabalhar com ingredientes de origem conhecida e certificada, além de privilegiar alimentos frescos e de fornecedores locais. “Percebemos que, cada vez mais, há consumidores que buscam opções saudáveis e que estão menos tolerantes aos ingredientes artificiais”, completa a diretora do Sebrae.

Fonte: Sebrae

Veja também

Temer sanciona sem vetos lei que regulamenta cobrança de gorjetas15/03/17Projeto foi aprovado pelo Congresso e estabelece as regras para divisão das gorjetas nos estabelecimentos O presidente Michel Temer sancionou nesta segunda-feira (13), sem vetos, o projeto aprovado pelo Congresso Nacional que regulamenta a cobrança e a divisão de gorjetas nos estabelecimentos comerciais, informou a assessoria da Presidência. A sanção da lei não muda o caráter optativo das gorjetas nem estabelece a proporção a ser paga. Portanto, o pagamento......

Voltar para Novidades